Capela Santa Maria das Vitórias

Missa no rito romano tradicional em Anápolis

Maravilhas assombrosas da Santa Missa diária – instrução do Beato Diego José de Cádiz

Postado em 31-07-2013

Tesouro de enormes utilidades que se ganham dizendo e ouvindo missa todos os dias

1. São Bernardo, falando dos benefícios da Missa, disse: “Que mais merece quem devotamente ouve uma missa em graça de Deus do que se peregrinasse por toda a terra, e que  se desse aos pobres todos seus bens; muito mais, porém, se a dissesse.”

2. Santo Agostinho disse: “Que se alguém ouvir devotamente a Missa, naquele dia se livrará de cair em pecado mortal, e se lhe perdoarão todos seus defeitos e pecados veniais e imperfeições.”

3. Santo Anselmo disse: “Que mais vale uma Missa ouvida em vida que mil ditas pela mesma pessoa depois de sua morte.”

4. São Gregório disse: “Quem devotamente ouvir Missa, naquele dia se preservará de enormes perigos e males.”

5. Santo Agostinho disse: “Que no dia em que uma pessoa ouvir Missa não morrerá repentinamente, e se morrer sem comunhão, reputar-se-á como tendo comungado.”

6. São Cipriano disse: “O Santo Sacrifício da Missa é remédio para sarar as enfermidades e holocausto para purgar as culpas.”

7. O Concílio de Trento disse: “Pelo Santo Sacrifício da Missa aplaca-se a Deus e concede-se a graça e o dom da penitência.”

8. Santo Agostinho disse: “Que todos aqueles passos que uma pessoa dá para ir à Missa são escritos e contados por seu anjo, e por cada passo Deus lhe dará um enorme prêmio nesta vida mortal e na eternidade.”

9. São João Crisóstomo disse: “A celebração da missa, de certa maneira, vale tanto quanto a morte de Cristo na cruz.”

10. São Gregório disse: “Porque nenhum sacrifício há em todo o mundo pelo qual as almas dos defuntos saiam com maior brevidade e se livrem das penas do purgatório que pela sacratíssima oblação e santo sacrifício da Missa, como sentenciam os teólogos.”

11. Santo Anselmo disse: “Uma missa sobrepuja e excede a virtude de todas orações quanto à remissão da culpa e pena.”

12. São Jerônimo disse: “As almas que estão nas penas do purgatório, pelas quais o sacerdote ora e roga na Missa, entrementes nenhum tormento padecem, enquanto o Sacrifício da Missa se diz por elas.”

13. São Gregório disse: “Que a pena dos vivos e dos defuntos se suspende enquanto se diz a Missa, e sobretudo pelas almas daqueles pelos quais o sacerdote especialmente ora, roga e diz a Missa.”

14. São Jerônimo: “Por qualquer missa, com devoção dita e ouvida, saem muitíssimas almas da penas do purgatório, e às outras que aí ficam se lhes diminuem as penas que nele padecem.”

15. Santo Alberto Magno disse: “O Santo Sacrifício da Missa está tão repleto de mistérios como o mar está pleno de gotas, como o sol de átomos, o firmamento de estrelas e como o céu empíreo de muitíssimos anjos.”

16. Inocêncio, papa, disse: “Pela virtude do sacramento da Missa todas as virtudes aumentam-se e acrescenta-se a graça.”

17. O beato João Batista Mantuano disse: “Ainda que Deus me desse cem línguas, e com elas uma voz  acerada que jamais se me gastasse, não seria possível declarar e manifestar os benefícios, graças e privilégios e grandes proveitos que se ganham ao assistir e ouvir a missa em graça.”

18. São Gregório disse: “Por qualquer Missa ouvida e dita com devoção, um pecador converte-se a Deus, uma alma livra-se da pena que por seus pecados merecia no purgatório e um justo conserva-se no caminho retíssimo da justificação.”

19. São Bernardo disse: “Quem devotamente e em graça ouvir a missa merece tanto como se fosse peregrinando a visitar todos os lugares santos de Jerusalém e caminhasse toda a Terra Santa.”

20. Santo Agostinho disse: “No instante em que se ouvir a Missa e vir o Santíssimo Sacramento, sairá o demônio de qualquer pecador.”

21. São Bernardo de Siena disse: “A Missa é o maior bem que se pode oferecer pelas almas, e uma missa excede, e é bastante para livrar e tirar todas almas das penas do purgatório e levá-las a gozar de sua Santíssima Glória.”

22. Santo Ambrósio disse: “Aquilo que o homem come depois de haver ouvido Missa converte-se em melhor alimento, e aproveita mais, e convém mais à natureza que antes de havê-la ouvido.”

23. Santo Agostinho disse: “Àquele que ouvir Missa inteiramente não lhe faltará naquele dia o sustento necessário e alimento para seu corpo.”

24. São Gregório disse: “Por qualquer Missa que na Igreja se diga converte-se um infiel à fé de Cristo, uma alma voa das penas do purgatório ao Céu; um justo confirma-se na graça de Deus.”

25. Santo Agostinho disse: “Naquele dia que alguém vir na Missa o corpo e o sangue de  Jesus Cristo, conservar-se-lhe-á a luz da vista.”

26. São Lourenço Justiniano disse: “Mais agrada ao Altíssimo Deus o sacramento da Missa que os méritos de todos os anjos.”

27. Santo Agostinho disse: “Enquanto uma pessoa ouve a Missa não se lhe menoscaba a idade, mas mantem-se naquele mesmo estado e vigor que quando a começou a ouvir, por muito e mui demorado o tempo que o sacerdote empregue no Santo Sacrifício da Missa.”

28. O Venerável Beda disse: “Se uma mulher grávida ouvir missa, se desse à luz naquele mesmo dia, não sentiria graves dores no parto.”

29. Santo Anselmo disse: “Ouvir missa devotamente uma missa em vida, ou dar uma esmola para que seja celebrada, aproveita mais que deixar para celebrar mil missas depois de sua morte.”

30. Eugênio, papa, disse: “Mais aproveita para a remissão da culpa e pena ouvir uma missa que todas as orações de todo o mundo.”

31. Santo Alberto Magno disse: “Quem na missa contemplar um pouco a Paixão e Morte de Jesus merecerá mais que se peregrinar a pé descalço aos lugares santos de Jerusalém e jejuar a pão e água um ano e se açoitar até derramar todo sangue de sua veias, se rezar trezentas vezes todo o Saltério.”

32. Meu grande Padre Santo Agostinho, falando com os que foram mui devotos das benditas almas do purgatório, disse estas breves palavras: “Quem pelos defuntos ouve missa e ora, para si mesmo trabalha; assim quem oferece pelas almas o que reza, para si mesmo o trabalha.”

33. E como conclusão, disse meu Angélico Doutor Santo Tomás de Aquino: “Que os efeitos que causa o Santo Sacrifício da Missa e o ouvi-la diariamente são os seguintes:

* Resiste aos maus pensamentos.

*Destrói os pecados.

*Mitiga o aguilhão da carne.

*Dá forças à alma para trabalhar contra os inimigos.

*Perdoa os pecados veniais.

*Purifica, limpa e purga o coração.

*Encoraja a agir bem.

*Aumenta a castidade.

*Acrescenta o fervor da caridade.

*Dá forças para sofrer as coisas adversas e enche a alma de todas as virtudes.

* E enfim, para dizer tudo de uma vez, quantos frutos, graças, privilégios e dons recebemos da mão do Altíssimo Deus, todos são pela Sagrada Morte e Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo, donde se representa o Santo Sacrifício da Missa.

Se a alguém lhe parecer que o dito é coisa exagerada, veja a doutrina dos santos.

Todos os papas louvam e bendizem a quem encomendar Missa ou a ouvir, assim nos dias de trabalho como nos dias de festa, ou derem esmola para tanto.

Roguem a Deus pelo devoto que oferece este breve obséquio às benditas almas. E supliquem a todos que o lerem sejam mui devotos delas, que lhes asseguro não lhes pesará na hora da morte.

****

O Santo Cura d’Ars dizia que “a Santa Missa é o ato mais importante, mais sublime e mais santo que se celebra todos os dias na Terra. Nada há mais sublime no mundo que Jesus Cristo e nada mais sublime em Jesus Cristo que seu sacrifício na Cruz, atualizado em cada missa, visto que a Santa Missa é a renovação do Sacrifício da Cruz.”

São Pedro Julião Eymard dizia: “Ah! Se as almas do purgatório pudessem voltar ao mundo, que fariam por assistir a uma só Missa! Se puderdes compreender sua excelência, suas vantagens e seus frutos, nem um só dia quereríeis passar sem assistir a ela!

Tradução do folheto publicado em espanhol na Paroquia Santísimo Redentor em  San Bernardo, Chile, pelo Rev. Pe. Pedro-Félix Salas Fernández