Capela Santa Maria das Vitórias

Missa no rito romano tradicional em Anápolis

Questão 62: Da perfeição dos anjos na existência da graça e da glória.

Em seguida devemos investigar como os anjos foram constituídos na existência da graça ou da glória.

E sobre este assunto, nove artigos se discutem:

Art. 1 — Se os anjos foram criados em estado de beatitude.
Art. 2 — Se o anjo precisava da graça para se converter a Deus.
Art. 3 — Se os anjos foram criados em graça.
Art. 4 — Se o anjo bem-aventurado mereceu a sua beatitude.
Art. 5 — Se o anjo possuiu a beatitude imediatamente depois de um ato meritório.
Art. 6 — Se os anjos conseguiram a graça e a glória conforme a quantidade das suas capacidades naturais.
Art. 7 — Se os anjos beatos conservam o conhecimento e a dileção naturais.
Art. 8 — Se o anjo bem-aventurado pode pecar.
Art. 9 — Se os anjos beatos podem progredir na beatitude.