Capela Santa Maria das Vitórias

Missa no rito romano tradicional em Anápolis

Questão 83: Da oração.

Em seguida devemos tratar da oração. E nesta questão discutem–se dezessete artigos:

Art. 1 – Se a oração é um ato de virtude apetitiva.
Art. 2 – Se é conveniente orar.
Art. 3 – Se a oração é um ato de religião.
Art. 4 – Se devemos orar só a Deus.
Art. 5 – Se na oração devemos pedir alguma coisa determinada a Deus.
Art. 6 – Se devemos pedir a Deus, nas nossas orações, bens temporais.
Art. 7 – Se devemos orar pelos outros.
Art. 8 – Se devemos orar pelos inimigos.
Art. 9 – Se estão convenientemente assinaladas as sete petições da Oração Dominical.
Art. 10 – Se orar é próprio da criatura racional.
Art. 11 – Se os santos que estão na pátria oram por nós.
Art. 12 – Se a oração deve ser vocal.
Art. 13 – Se a oração tem necessidade de ser atenta.
Art. 14 – Se a oração deve ser diuturna.
Art. 15 – Se a oração é meritória.
Art. 16 – Se os pecadores obtêm de Deus o que lhe pedem nas suas orações.
Art. 17 – Se as consideram convenientemente como partes da oração: a obsecração, as orações, a postulação e a ação de graças.