Capela Santa Maria das Vitórias

Missa no rito romano tradicional em Anápolis

Uma bela oração da noite composta por Bossuet

Postado em 07-08-2017

Meu Senhor, adoro-vos do fundo da minha alma; prostrado aos vossos pés, dou-vos graças por me haverdes criado a vossa imagem e semelhança, resgatado com vosso precioso sangue, feito nascer na fé católica, chamado à santa religião e preservado de tantos perigos, aos quais muitos outros, que vos foram mais fiéis que eu, foram expostos, e sobretudo neste dia, no qual me haveis feito tantas misericórdias. Bendito sejais, meu Deus. Espíritos bem-aventurados, ajudai-me a agradecer-lhe todas as graças que me fez; rogai-lhe para mim a graça de conhecer os pecados que cometi contra a sua bondade, e que, conhecendo-os, deles tenha vivo e sincero arrependimento.

Adoro-vos, meu Salvador Jesus, como meu soberano juiz; submeto-me de todo coração ao poder que tendes de me julgar; estou tranquilo com este poder que tendes sobre mim; e suplico-vos que me façais participante da luz pela qual vós me fareis ver os meus pecados na hora da minha morte, quando comparecerei diante do vosso tribunal. Fazei-me igualmente participante do zelo da vossa justiça, a fim de que deteste os meus pecados como vós os detestais.

Veni, Sancte Spiritus….

 

(Apud La vie cachée en Jésus-Christ – DMM – Poitiers, 2015)